sexta-feira, dezembro 10, 2004

VIII - Ilusões

Cruzámo-nos,
trocámos olhares
cúmplices,
entrelaçámos os
nossos sorrisos
e deixámo-nos
ficar num abraço eterno…

Ou sonhei?
Não espero mais por quem nunca esteve...

1 Comments:

Blogger delArte said...

que fique o abraço. eterno.

4:41 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

Comments-[ comments.]